segunda-feira, 25 de abril de 2011

Hala Madrid!

Madrid é a cidade da boa vida.
Não tem monumentos fascinantes como Paris, nem a alternatividade única de Londres, nem a história (e o mar, e o rio) de Lisboa. Mas tem sol, animação e gente na rua. Gente na rua a toda a hora, todos os dias e de todas as idades. Tudo o que interessa fica a uma walking distance e tudo o que interessa são praças, jardins, esplanadas, museus e lojas. Gostei mesmo muito. Acho que vivia lá. Acho que mais depressa ia para lá viver do que voltaria apenas enquanto turista. Vivia bem com longas conversas nos cafés da Plaza Mayor, leituras e descanso no Parque do Retiro, compras na Fuecarral e nos Preciados, na Arenal e no Rastro e tapas no Mercado de San Miguel. Vivia mesmo lá.

Andei muittooo a pé em 4 dias. Mais do que ando em 4 meses! Vimos tudo o que havia para ver mas com tempo e calma. Provei tudo o que tinha pra provar e ainda repeti alguns predilectos (os churros com chocolate da San Ginés, a tartelete de framboesa de San Miguel e as calamares do El Brillante na Atocha!). Gostei muito.

É incrível como o centro está bem conservado e... habitado!! Nota-te. Imaginem a nossa Baixa e o nosso Terreiro do Paço habitado. Com roupa estendida e bicicletas deixadas nas varandas... É isso que acontece na Plaza Mayor, por exemplo. E isso faz-nos falta, a nós, lisboetas. Era a salvação da cidade e a salvação do centro. É um prazer ver cinemas na rua e avenidas que são verdadeiros centros comerciais com lojas e esplanadas intercaladas. Mas não há centros comerciais. Pelo menos no centro. Excluíndo o El Corte Inglês. Há lojas. Muitas lojas de rua. Em todas as ruas. E é isso que traz as pessoas para a rua...



Os churros (sem óleo) e o chocolate quente (amargo). De chorar por mais!
 Dentro da Desigual. De cinco andares.
Fiz por não me perder em lojas que há em Portugal. Não entrei na Zara. E não comprei nada na H&M. Mas fui à Topshop = desilusão!!! Para além de ainda mais caro do que esperava, não tinha qualquer brilho, estava desarrumada e era labirintica. Nada a ver com as lojas de Londres. Perdi sim umas horas na Blanco, na Desigual (só para ver), a VAS de sapatos e outras lojas cujo o nome não me lembro. E uma manhã no Rastro (que não é nada de mais mas para quem gosta de feiras é uma experiência). Eis as aquisições que me deixaram muito feliz e contente!
Dois leques (um beje e um fushia), a Harper's Bazaar (que é realmente muito boa) e a Vogue Collection (que é bem mais baratinha do que cá).
O ansiado mini Casio! Escolhi o mostrador em roxo porque o dourado era demasiado bling (comprado no Rastro, verdadeiro, por 20€!) Gosto tanto dele que há pouco encomendei outro mas de mostrador em preto.

 Sabrinas peep-toe da Blanco em fushia.


 Vestido da Blanco. Azul navy e branco rendado nas costas.


 Saia rodada, azul navy com flores.

Pequena mala de couro em framboesa (no Rastro).
As cores não estão muito reais...

Madrid me encanta!
Sei que Espanha também não está nos seus melhores momentos (impossível encontrar uma coca-cola por menos de 2,50€ e uma sandes de calamares custava 6€...). Há imensa gente a pedir na rua, e a dormir nos cantos. Nota-se a crise. Mas, se por aqui não estiver bem, é de pensar em emigrar...  =) Claro, com férias marcadas para Portugal no Verão (que Agosto lá é basicamente insuportável!)
Hala Madrid!

4 comentários:

Liliana Couto disse...

OLÁ,madrid realmente deve ser algo de encantado! já tive viagem marcada, mas á ultima da hora já no aeroporto de lisboa ouve greve dos controladores aéreos e por isso a viagem foi cancelada :( , fica para uma próxima.
em relação ás tuas compras, muito boas compras, adorei as sandálias, o vestido maravilhoso lindo mesmo!!! e o relógio , nem imaginas o que ando a correr atrás de um em rosa!!!!mas não sei onde encontrar! já pensei ir á feira do relógio aqui em lisboa :) tu disseste que encomendas-te um posso perguntar-te onde?
madrid deve ser uma boa cidade para se viver sem dúvida, mas do que conheço de barcelona ias amar!!!já lá estive vezes sem conta e é o delirio a cidade!!!!
beijinhos

ACA disse...

Cara Lilina,

Amo Barcelona e odiava Madrid (pelo menos a ideia que tinha da cidade de quando a visitei aos 14 anos). Também por isso quis mesmo ir a Madrid, pra ver as coisas com outros olhos e perceber porque há tanta gente que ama esta cidade. E percebi.
A beleza de Barcelona é indicutível mas estou a deixar passar para lá voltar como deve de ser: com tempo, dinheiro e a companhia certa.

Quanto ao Casio, o roxo comprei lá na Madrid na feira El Rastro. Havia várias cores entre dourado, rosa e azul turquesa.
O que encomendei é igual mas de mostrador preto, há na Pixmania.

Pinky disse...

Que inveja! Madrid é linda

xana disse...

Era MESMO um post destes que precisava!!!! hahah Obrigado pela dica!!

Eu também sou team BCN, mas cheira-me que vou voltar rendida!!! :D


Obrigado! O post já está marcado hehe